"Não ande atrás de mim, talvez eu não saiba liderar. Não ande na minha frente, talvez eu não queira seguí-lo. Ande ao meu lado, para podermos caminhar juntos."

Grotesco

O grotesco se caracteriza pelo rebaixamento operado por uma combinação insólita e exasperada de elementos heterogênos, com referência freqüente a deslocamentos escandalosos de sentido, situações absurdas, animalidade, partes baixas do corpo, fezes e dejetos.

O grotesco é o fenômeno da desarmonia do gosto, que atravessa as épocas e as diversas conformações culturais. O grotesco é algo que se tem feito presente na Antigüidade e nos tempos modernos. Atravessa tempos diversos, à maneira de uma constante supratemporal.

É antiqüíssimo, por exemplo, o procedimento grotesco de identificação figurativa entre o homem e o animal, fazendo-se presente nas fábulas e em sistemas morais. Muitas vezes, a identificação passa pela referência ao excremento como metáfora para o rebaixamento frente a valores tidos como sublimes ou para uma radical ausência de qualidades. O grotesco representa o grau zero da condição humana.

O grotesco, assim, não opta por nenhuma moral progressista ou positivista. Muito pelo contrário, o grotesco funciona por catástrofe.

A palavra "grotesco" vem do italiano "grotta", que significa "gruta" ou "porão". Em fins do século XV, escavações feitas no porão do palácio romano de Nero revelaram ornamentos esquisitos na forma de vegetais, abismos, caracóis, etc. que fascinaram os artistas da época, que passaram a chamar tais objetos esquisitos de "grotescos", em referência às grutas ou porões em que foram encontrados. Em seguida, a denominação "grotesco" aplicou-se à combinação bizarra de elementos humanos, animais, vegetais e minerais.

Sempre associada ao disforme, a palavra "grotesco" foi ganhando significados novos, em geral associados ao desvio de uma norma expressiva dominante, seja referente a costumes, seja referente a convenções culturais.

O grotesco assume modalidades diversas:

a) escatológica: trata-se de situações caracterizadas por referências a dejetos humanos, secreções, partes baixas do corpo, etc.:

b) teratológica: referências risíveis a monstruosidades, aberrações, deformações, bestialismos, etc.

No grotesco, a excrescência e o nojo são apresentados como o antídoto para a banalidade da existência humana.

O grotesco revela-se na exasperação tensa ou violenta dos contrários, com recursos da caricatura, da sátira e da ironia. Manifesta-se também pela crueldade com que se tiram os véus das regras ou das convenções ditas civilizadas.

O grotesco tem obsessão pela corporalidade humana comer, defecar, copular, arrotar, vomitar. Também se faz referência à nudez e ao sangue.

O grotesco é uma categoria ampla, com vários aspectos, capaz de aplicar-se a uma infinidade de situações: da escultura e pintura à literatura, ao cinema e à televisão.

No caso da televisão, tem-se a tendência recente desse veículo é testar os limites de sua audiência. Nossa TV caracteriza-se por uma atmosfera sensorial de "praça pública", a praça como "feira livre" das expressões diversificadas da cultura popular (melodramas, danças, circo, etc.)

A televisão para as massas tornou-se importante dispositivo de articulação de um espaço público ao constituir como seu público categorias sociais as mais diversas, sob a bandeira uniformizante do consumo de massa.

A televisão se especializou num tipo de programa voltado para a ressonância imediata, atuando sobre a imediatez da vida coditiana. E como procedimento básico a TV privilegia fortemente a óptica do grotesco. Primeiro, porque suscita o riso cruel (o gozo com o sofrimento e o ridículo do outro); segundo, porque a impotência humana, política ou social de que tanto se ri é imaginariamente compensada pela visão de sorteios e prêmios, uma vez que se tem em mente o sentimento crescente de que nenhuma política de Estado promove ou garante o bem -estar pessoal; terceiro, porque o grotesco chocante permite encenar o povo e, ao mesmo tempo, mantê-lo a distância dão-se voz e imagem a ignorantes, ridículos, patéticos, violentados, mutilados, disformes, aberrantes, para mostrar a crua realidade popular, sem que o choque daí advindo chegue às causas sociais, mas permaneça na superfície irrisória dos efeitos.

Na realidade, as emissoras oferecem aquilo que elas e seu público desejam ver. O sistema televisivo mercadológico constituiu esse público que, ao longo dos anos, tornou-se ele próprio "audiência de TV".

O telespectador, entretanto, não é vítima, e sim cúmplice passivo de uma situação a que se habituou.

Em sua existência miserável, costuma o telespectador sonhar com o acaso que o levará, pela sorte, a ser chamado pela produção de um "reality show" para transformar em espetáculo a sua aberração existencial e sair de lá com um eletrodoméstico qualquer como prêmio. O grotesco, dessa maneira, é o que arranca o telespectador de sua triste paralisia.

No tocante ao público, não se sustentam as hipóteses de um "voyeurismo" freudiano com relação ao "reality show", pois o que se evidencia mesmo não é uma sexualidade de fundo, mas a fusão entre a banalidade dos fluxos televisivos e a existência banal dos telespectadores.

Após décadas de rebaixamento de padrões, o público em geral tornou-se esteticamente parte disso que os especialistas chamam de "trash" (lixo).

Daí o império da repetição exaustiva do banal.

Jornalismo Tiririca por Sérgio Ripardo

Nudez, sexo, fofocas. O "prato feito" da web e programas popularescos de TV infesta como praga da agricultura. Nas últimas semanas, participantes de fóruns virtuais sobre mídia martelaram uma nova expressão: "jornalismo Tiririca", referência provocativa e genial ao slogan ("pior que está não fica") da campanha do palhaço cearense homônimo a uma vaga na Câmara dos Deputados.

Bem antes da popularização da internet no final dos anos 90 (as coisas estão aí há bastante tempo), já era clichê acadêmico a denúncia do empobrecimento do texto jornalístico, a abordagem burocrática das pautas, a precária formação intelectual dos profissionais de imprensa, traduzida em baixíssimos índices de leitura de repórteres, sem falar que, no Brasil, essa categoria quase não lança livros nem sistematiza conhecimentos, na comparação com países ricos.

Com o agressivo e competitivo mercado minuto a minuto de "notícias", faltam "reportagens" e sobram abobrinhas diversionistas publicadas em tabloides e revistas que promovem "celebridades" ou falas registradas em redes sociais (como Twitter e Facebook). Será que são famosos mesmo que atualizam ou assessores e consultores de imagem? Raramente se exercita a dúvida, como recomendam manuais, dando margem a gafes como a do mês passado com a repercussão apressada da falsa história de um restaurante canibal. Domina a lógica "se todos fazem, deve estar certo", na adesão automática ao banal, insosso, descartável, digno da lavra de robôs acéfalos.

Na onda do "jornalismo Tiririca", textos são ilustrados mais com reproduções de sites, blogs e afins, uma prova de que o fotojornalismo clássico ainda não conquistou espaço relevante nos meios eletrônicos. Questionamentos sobre a qualidade do que se publica nas diversas mídias soam antipáticos, carrancudos, coisa do passado ou mau humor de minoria.

Nas críticas em fóruns, é corriqueiro relacionar os abusos das notas de entretenimento ("softnews", como preferem alguns) à incorporação de ferramentas de audiência, de comentários na web (em papel, é difícil saber se algo que está na capa de um caderno realmente terá mais leitura do que o horóscopo do dia, por exemplo).

Comentários em: "Grotesco" (30)

  1. This publish has been extremely nicely created, you’ll take pride in consists of numerous beneficial information. We enjoyed your expert way with words this particular publish. You’ve made that easy that i can understand.

  2. Hello there – I have to admit, I’m pleased together with your site. I’d no trouble directing via the many tabs and information had been easy to access. I discovered the things i wanted very quickly at all. Fairly great. Would certainly appreciate it in case you include discussion boards something like that, it would be an ideal path for your clients to activate. Congratulations are in order!

  3. Typically I don’t publish on sites, on the other hand want to declare that this particular publish truly forced myself to accomplish this. Great post!

  4. This is a excellent site. Good polished interface and very useful content articles. We’re finding its way back in a bit, just fantastic blog.

  5. This particular publish was very effectively composed, looked after includes many helpful details. We enjoyed the specialist way with words this submit. You have made it easy will comprehend.

  6. Hello there, simply turned into aware of your blog thru Google, and found that it is really informative. I?m gonna watch out for brussels. I will appreciate if you continue this in future. A lot of other folks will be benefited from your writing. Cheers!

  7. Hi : I must say, I’m amazed with your site. I had no trouble navigating through all of the tabs and knowledge was super easy gain access to. I found what I needed in no time by any means. Fairly amazing. Might be thankful in case you add forums as well, it would be an excellent way for your clients to interact. Great job!

  8. In the event you might concept myself with virtually any hints about how you made this blog web site look this particular excellent, I’d personally have fun here.

  9. Your web site is mentioned around my community forum like a suggested studying. I am pleased My partner and i passed by to find out this.

  10. This is a great web site. Good finished interface and also useful content articles. I am finding its way back in the bit, wanted fantastic blog.

  11. Don’t transfer the sureness your own mortal in order to others in the treatment of growths

  12. Finding a beneficent stygian create is actually determined of the most thankful add-ons in our corporeal as the particular clever as well as building both evasion the particular someone’s very own loaded obstructing to choose appropriate

  13. I simply want to mention I am new to weblog and really loved your web site. Almost certainly I’m going to bookmark your blog post . You amazingly have perfect posts. Bless you for sharing your blog site.

  14. I simply want to say I am just all new to blogging and absolutely savored this website. More than likely I’m likely to bookmark your blog . You certainly have tremendous well written articles. Thank you for sharing with us your blog site.

  15. Thank you a lot for giving everyone an extremely marvellous possiblity to read critical reviews from this blog. It is often very nice and also full of fun for me personally and my office mates to search your web site a minimum of three times weekly to study the new guidance you have got. And indeed, I am just actually fulfilled concerning the great tactics served by you. Selected 3 tips in this posting are rather the finest I’ve had.

  16. Undeniably believe that which you said. Your favorite reason seemed to be on the internet the simplest thing to be aware of. I say to you, I certainly get irked while people consider worries that they plainly do not know about. You managed to hit the nail upon the top and also defined out the whole thing without having side-effects , people could take a signal. Will probably be back to get more. Thanks

  17. Hello there! I just would prefer to give a huge thumbs up for your terrific information you’ve the following on this article. I will be coming back for your blog page for far more quickly.

  18. After I initially commented I clicked the -Notify me when new feedback are added- checkbox and now each time a comment is added I get 4 emails with the identical comment. Is there any approach you can remove me from that service? Thanks!

  19. An impressive share, I simply given this onto a colleague who was doing a little evaluation on this. And he the truth is bought me breakfast as a result of I found it for him.. smile. So let me reword that: Thnx for the deal with! But yeah Thnkx for spending the time to debate this, I really feel strongly about it and love studying more on this topic. If potential, as you turn into expertise, would you mind updating your weblog with extra details? It is highly helpful for me. Large thumb up for this blog publish!

  20. Excellent, I have a few questions though is it ok to post them here?

  21. My brother recommended I might like this blog. He was totally right. This post actually made my day. You can not imagine just how much time I had spent for this information! Thanks!

  22. Thank you for the auspicious writeup. It in fact was a amusement account it. Look advanced to more added agreeable from you! However, how could we communicate?

  23. Would you be keen on exchanging hyperlinks?

  24. incontinent misunderstanding blued macomber Deva nadda kempton haye larquey

  25. I really like your writing style, excellent info , appreciate it for posting : D.

  26. Good write-up, I am normal visitor of one’s blog, maintain up the excellent operate, and It is going to be a regular visitor for a long time.

  27. Definitely believe that which you said. Your favorite justification appeared to be on the net the easiest thing to be aware of. I say to you, I definitely get annoyed while people consider worries that they just don’t know about. You managed to hit the nail upon the top as well as defined out the whole thing without having side effect , people could take a signal. Will likely be back to get more. Thanks

  28. I loved as much as you will receive carried out right here. The sketch is tasteful, your authored subject matter stylish. nonetheless, you command get bought an shakiness over that you wish be delivering the following. unwell unquestionably come more formerly again since exactly the same nearly very often inside case you shield this increase.

  29. I liked up to you will obtain carried out proper here. The sketch is tasteful, your authored subject matter stylish. nonetheless, you command get bought an nervousness over that you would like be delivering the following. ill surely come more in the past once more as precisely the same nearly very ceaselessly inside case you shield this hike.

  30. Its like you read my mind! You seem to know so much about this, like you wrote the book in it or something. I think that you could do with a few pics to drive the message home a bit, but other than that, this is excellent blog. An excellent read. I’ll definitely be back.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: