"Não ande atrás de mim, talvez eu não saiba liderar. Não ande na minha frente, talvez eu não queira seguí-lo. Ande ao meu lado, para podermos caminhar juntos."

Espondilolistese

Espondilolistese


É um defeito na articulação intervertebral com o escorregamento para frente de uma vértebra em relação à outra subjacente, ocasionando dor ou sintomatologia de irritação de raiz nervosa.
O mecanismo que ocasiona esse tipo de lesão não é bem conhecido, mas existem teorias que sugerem algumas possíveis causas.
1. Fratura por fadiga conjugado a um defeito hereditário ou predisposição.
2. Fratura ocorrida durante o parto
3. Trauma
4. Deslocamento de uma vértebra sobre a outra secundária à lordose
lombar.
5. Fraqueza dos ligamentos e estruturas fasciais da região envolvida
6. Má formação das facetas articulares

Definição: Deslizamento frontal de uma vértebra lombar sobre a vértebra inferior.

Causas, incidência e fatores de risco:

Para fins de referência, a coluna vertebral geralmente é dividida em seções anatômicas: cervical (pescoço), torácica (caixa torácica), lombar (da base da coluna torácica até a parte superior da pélvis), sacral (pélvis) e coccígea (cóccix). A espondilolistese é uma condição na qual uma vértebra desliza para frente sobre a vértebra logo abaixo. Normalmente ocorre na vértebra lombar, com mais freqüência no nível entre a quinta vértebra lombar e a primeira sacral. A espondilolistese pode ocorrer como resultado de um defeito congênito na quinta vértebra lombar, fraturas por estresse e fraturas traumáticas. Em alguns casos, pode estar associada a doenças ósseas. A espondilolistese pode variar de leve a grave; está associada à lordose (convexidade anterior anormal da coluna), mas também pode produzi-la. Os sintomas podem incluir dor na região lombar, dor nas coxas e nádegas, rigidez, tensão muscular e sensibilidade na área do deslizamento. Danos neurológicos podem ocorrer como resultado da pressão nas raízes nervosas, com possível dor no ciático (relacionado ao quadril ou ao ísquio).

Sinais e exames:
1. Raio X da coluna vertebral (revela desalinhamento da vértebra lombar e possível fratura)
2. A elevação da perna na posição reta é incômoda e dolorosa
Tratamento: O tratamento varia dependendo da gravidade da espondilolistese. A terapia mínima envolve exercícios; a cirurgia é indicada para a espondilolistese grave e progressiva. A utilização de um aparelho ortopédico ou de gesso pode ser parte do tratamento após a correção cirúrgica do defeito.

Expectativas (prognóstico):
O tratamento, uma vez reconhecida à condição, geralmente proporciona bons resultados. Os procedimentos cirúrgicos produzem bons resultados mediante a espondilolistese grave.


Complicações: compressão das raízes nervosas da coluna vertebral.
Solicitação de assistência médica: Solicite assistência médica se as costas de seu filho parecer estar excessivamente curvadas, se a criança se queixar de dor ou rigidez nas costas, nas coxas ou nas nádegas.

Simplificando

1. Na espondilolistese, a coluna fica solta, com as vértebras deslizando?
Na verdade este deslizamento ocorre de forma muito lenta, e muitas vezes está estacionado não é progressivo. A instabilidade que existe é crônica, não existe risco da coluna se ‘desmontar’ de uma hora para outra.

2. Quais os sintomas da espondilolistese?
As deformidades visíveis acontecem só nos casos em que a deformidade é muito grande, via de regra os maiores sintomas são dor lombar crônica e dor ciática, mas é comum uma pessoa ser portadora deste tipo de deformidade sem apresentar nenhum sintoma.

3. Qual o tratamento da espondilolistese?
O tratamento inicial visa o controle da dor e consistem em medicação, exercícios e fisioterapia. Como em todas as deformidades, a única maneira do problema ser corrigido é a cirurgia, que se reserva para os casos mais graves e para aqueles que os outros tratamentos não funcionam.

4. Como é a cirurgia da espondilolistese?
Na cirurgia a vértebra que desliza deve ser fixada, e se os nervos estão apertados devem ser liberados. A fixação costuma ser feita com a colocação de implantes metálicos de titânio (parafusos). Na maioria dos casos não é necessário trazer a vértebra de volta para o lugar, apenas fixá-la de modo a impedir que siga se movendo.

Anúncios

Comentários em: "Espondilolistese" (130)

  1. marcelo disse:

    Se a spondilolistese estiver estacionada nao significa que aquele segmento osseo foi calcificado, ou ha calcificacao na spondilolistese? Qual e o risco de um atleta, no caso da spondiloliste estiver estacionada, do atleta voltar a sua pratica esportiva?Houve algum caso do(a) atleta (ginasta) voltar aos treinamentos com suas rotinas normais e nao apresentar nenhum deslizamento?

  2. mirian disse:

    tenho espondilolistese grau 1,quais as chances de evoluçao para o grau 2,a cirurgia é so com fixaçao ,nao existe outro metodo menos invasivo?

  3. Fernanda disse:

    Tenho 21 anos e tenho espondilolistese grau 4, estou na segunda sessão de fisioterapia, não notei nenhuma diferença as dores continuam iguais as de antes, se a fisioterapia não adiantar quais são as chances de ter uma intervenção cirúrgica?

  4. Unknown disse:

    sou atleta a 5 anos e participo de competições , e descobri que tenho espondilolistese grau 1, sei que é leve este grau , porem tenho medo de agravar , pois dizem que se chegar ao grau 4 terei que fazer cirurgia, então qual é a sujestão para mim não ter que me submeter a uma cirurgia um dia ?

    • João Moura disse:

      Não tenho conceitos médicos para passar a você, mas tenho experiencia, pois, fui atleta da Marinha, praticavA 100m, 200m e salto em distância, depois de certo tempo comecei a sentir dores lombares nos treinamentos e após as competições. Quando a Marinha descobriu que eu tinha espondilolistese grau II, simplesmente me aposentou por incapacidade física. Portanto, sugiro, você não abusar. Procure tratamento o quanto antes e esqueça os esportes de impacto c0m salto, volei, basquetebol, futebol, paraquedismo, etc

    • tiago disse:

      ola, eu tenho espondilolistese 1gral. mais é que eu tenho uma má formação
      mais isso quer dizer que eu já tinha, ou pode ter sido por um mau jeito ?

      • Boa Tarde!

        Tiago é bem provável que você já tivesse, e um acidente ou pancada só serviu para você descobrir pelos exames de raio-x.

    • Roberto disse:

      amigo também tenho e faça caça submarina estou meio aflito gostaria de compartilhar ideias e experiencia com o caso

    • afredo disse:

      Hello, I have a L6 vertebra displaced located in the dorsal spinal, the question I would like to know and what consequences it might have with this problem? And also if surgery in the case of spondylolisthesis will be advised, and if so what are its consequent problems. Thank U

      • Bom Dia!

        Se não houver sintomas ou dor, a melhor maneira de conviver com a lesão é manter um peso adequado e fazer exercícios de musculação, orientado pelo ortopedista, para fortalecimento muscular das costas. Se a lesão se confirmar, estiver causando grande desconforto e dor e for necessário a cirurgia você precisará de repouso absoluto, fisioterapia e exercícios de musculação, orientado por seu ortopedista para fortalecimento muscular das costas.

  5. Ana Paula disse:

    tenho espondilolise e espondilolistese grau II L5SI
    neste caso e necessário a intervenção cirurgica ou so fisioterapia .Tem alguns dias que tenho sentido choques na coluna ,isso e normal?

    • Elizabeth disse:

      Tenho também na l5s1 grau 2 e tenho os pes e mãos dando choque mais as dores passaram quero voltar a fazer as minhas coisas a crise foi em agosto nao tenho mais dores estou de tepouso ha 2meses só deitada posso voltar a arrumar a minha casa e andar na rua e os choques vao passar

  6. lucia disse:

    Por favor; diga-me onde esta as respostas das perguntas sobre espondilolistose?

  7. Espondilolistese

    A espondilolistese é o escorregamento/deslocamento da vértebra para fora do eixo da coluna vertebral. A vértebra do meio se desloca para frente (mais comum) ou para trás em relação à vértebra superior e inferior. O canal medular começa a ficar progressivamente mais estreito e há sempre o grave risco de compressão da medula. Existem basicamente três causas:

    Falha congênita;
    Amolecimento inflamatório de um ligamento da vértebra.
    Instabilidade por traumas.

  8. lucia disse:

    ola! sou a Lucia; estou insegura para fazer a cirurgia por espondilolistese,{ dois anos atras grau 1 }, sinto muitas dores, sempre no analgesico, ja estou estressada com essa situacao. O problema e que o medico de onde resido, minnesota USA, me falou que nao tem outro tratamento que me retorne a vertebra em seu lugar a nao ser cirurgia, ai vem o problema: ele me disse que tera que fazer duas cirurgias, uma pelo abdomem disse que se faz uma fusao e outra pelas costas e simplesmente por isso nao me sinto segura, ja vai venser minha autorizacao no dia 11 de nevembro 2011 e eu ainda nao decedi. Em Porto Alegre um medico que tem conhecimento do meu problema me falou que nao precisa fazer pelo abdomem, e pwerigoso tocar nos intestinos e etc. que e perigoso uma aderencia para sempre e assim eu continuo sentindo dores. Por favor dootora, me diz alguma coisa a respeito. obrigada

    • Bom Dia! Não sou doutora, mas não quis que me filho fizesse a cirurgia, o tempo de recuperação seria longo (6 meses de cama), mas no caso dele não há dores…. o seu deve ser mais complicado!

  9. barbara disse:

    tenho 24 anos e operei de espondilolistese ha um ano. 7h de cirurgia, 6 parafuss,2 proteses e muito enxerto osseo. faço nataçao 2 vezes por semana e fisio todos os dias. a dor e o formigamento melhoraram , mas se alguem aí vai operar, nao espere milagres. continua tudo dificil, estudar, trabalhar, sair. vida de merda resumindo.

  10. barbara disse:

    nao sao 6 meses de cama. voltei pra natação 3 meses depois (claro bem moderada). mas a recuperação realmente nao é facil.

  11. Jaqueline Luisa disse:

    Olá,
    eu tenho esppondilolistese na lobar, fiz artrodese em 2003, fiquei com dor crônica intratável e uso um neuro estimulador medular.Há poucos dias descobri espondi~lólise na torácica.Há muitos anos sinto dores insuportáveis.Só falei com o neuro por telefone, no dia da consulta passei mal e moro a 250km de Cuiabá.Só volto nele dia 28.Mostrei a tomografia pro meu clínico que é muito experiente…ele me mostrou 5 vértebras atingidas.Não encontro nada sobre isso na net.Pode me ajudar?Obrigada, estou desesperada.
    Obrigada, Jaqueline

  12. Jaqueline Luisa disse:

    Obriigada,
    vou augardar ansiosa!
    um forte abraço!

  13. karina dos santos disse:

    tenho espondilisteses grau 2 na L5 na S 1 sinto dores terriveis e meu trabalho é em uma fabrica tenho que pegar muito peso. sinto qu parec ek esta quebrado o quadril as bursas doi como se tivessem uma passando na outra , ah uma pressao na nuc aque queima 24hs sem parar, e n aregião lombar tbm parece que da choque , ja tomei muito medicamentos nada passa até morfina tomei o que devo fazer .

    • Boa Noite!

      Procure um especialista ( cirurgião ortopedista), trabalhando nesse ritmo você esta caminhando para perda de movimentos ou pelo menos te-los bem reduzidos!

  14. Usually I don’t post upon sites, but I wish to declare that this kind of publish actually forced me personally for this. Very nice post!

  15. This publish has been very effectively written, looked after consists of numerous beneficial facts. I appreciated the specialist way with words this kind of post. You have made that easy that i can comprehend.

  16. We appreciate you taking this possibility to talk about this kind of, I feel firmly about this particular and i also take pleasure in studying this particular matter. If you can, when you obtain details, you should add to this blog with fresh information. My partner and i have discovered that extremely useful.

  17. Should you could information me personally together with any hints on what you have made this website website appear this kind of great, I might enjoy it.

  18. Typically I do not post about weblogs, even so would want to declare that this publish truly compelled me personally to do so. Great post!

  19. Hello there, simply turned into aware of your blog thru Google, and found that it is really informative. I?m gonna watch out for brussels. I will appreciate if you continue this in future. A lot of other folks will be benefited from your writing. Cheers!

  20. Appreciation for investing in this possiblity to discuss this particular, I’m firmly about this particular we take pleasure in understading about this matter. If possible, since you obtain information, make sure you help to increase this weblog together with brand new details. We have realized it very helpful.

  21. Great publish ! Appreciate your, submitting on my web site man! I will message you a while. I didn’t realise in which.

  22. This can be a excellent web site. Good refined program and extremely educational content articles. I will be ever coming back in the tad, thanks for the excellent website.

  23. I just want to tell you that I am all new to blogs and truly loved this web page. More than likely I’m likely to bookmark your blog post . You really come with fabulous writings. Thanks a bunch for sharing your website.

  24. Tereza Cristina da Rosa Simões disse:

    Cássia muito obrigada pelos esclarecimentos, me ajudou muito sua informação. Vou analisar junto ao meu médico e saber se posso ou não continuar correndo!
    Um abraço!
    Tereza Cristina

  25. Wal Monteiro disse:

    Olá, meu filho de 4 anos está com suspeita de espondilolistese, há 2 dias ele teve uma queda na escola e no PS o médico encontrou alteração ao Rx. Detalhe, o mesmo está em investigãção de neuropatia em perna E devido hipotrofia, já fez ENMG que evidenciou neuropatia do fibular. A única alteração é a hipotrofia da coxa, ele não vem queixando de dor há quase 1 ano, elas aparecem como crises. A minha pergunta, qual seria a melhor atividade física para crianças com essa doença?

    • Bom Dia!

      Quatro anos é muito novo, começe com natação, vai alongar e fortalecer os musculos para o crescimento. Acompanhamente deve ser frequente com Raio-X e outros exames, a cada 6 ou 3 meses. Conforme orientação do médico ele poderá fazer quase todas as atividades fisicas.
      Meu filho já tem 15 anos e é praticante de Kung-Fu.

  26. geiza disse:

    fiz a cirurgia a 3 meses 4 dia ja estava andando, porem com fisioterapia estou com dor acima da cirurgia abaixo do pescoço estou com duvida se normal essa dor….L5S1 ESPONDILOLISTESE 6 pinos medico falou para minha mãe, no dia cirurgia que minha coluna estava solta então me considero um milagre e não sagrou também…a dor agora incomoda muito no meio da coluna…

    • Bom dia!

      Esse tipo de cirurgia demanda muito repousa para um bom resultado.

      • Lucimar J. Helland disse:

        Ola Dr Cassia Filetti!! Peciso fazer a cirurgia de espondilolistose, minha coluna esta escorregada para frente. faz dois anos que marquei e um mes antes cancelei. tenho medo de nao poder mais trabalhar. Por incrivel que parece tenho idade para estar sem esse tipo de preocupacao, moro em Minnesota USA e aqui nao se pode ter em pregada domestica pelo preco que se combram. entao vou adiando e adiando nao sei ate quando. Talvez se eu for viver em Porto Alegre RS eu consiga solucionar esse problema. Que vc acha? obrigada

  27. Lucimar J. Helland disse:

    Dr Cassia! Desculpa, esqueci de colocar minha idade e meu nome, nasci em 5-041947. Luci

    • Boa Tarde!

      Não sou doutora. Mas faça essa cirurgia se você puder ter repouso absoluto e tempo para recuperação. Partindo do principio que você uma boa saúde e não seja obesa a recuperação será breve. Em poucos dias você terá desejo e até percepção para andar e fazer algumas atividades. NÃO FAÇA. Faça o repouso completo para evitar situações desagradáveis no futuro, como dores.

      Se você obesa ou estiver ligeira acima do peso, perca o peso antes, vai facilitar a recuperação e diminuir a pressão sobre a coluna.

      Se não puder fazer o repouso, não faça a cirurgia!

      Mas você estará criando outro problema, com a ingestão frequente de analgésicos e anti-inflamatórios.

  28. Leticia Stephany Nascimento de Andrade disse:

    Oi sou a Leticia tenho 16 anos e tenho espondilolistese L5 – S1grau5,estou internada aguardando a cirurgia a dois meses,sinto muitas dores lombares e nas pernas,espero que tudo possa acabar apos a cirurgia.

    • Bom Dia!

      Boa sorte!

      E lembre-se faça o repouso necessário pós cirurgia, ele é tão importante quanto o procedimento. Mesmo que você ache que já tem condições de realizar alguns movimentos, não faça, faça repouso, a recompensa será gratificante, um futuro sem dor!

  29. Leticia Stephany Nascimento de Andrade disse:

    estou confiante que vai dar tudo certo!espero que minha recuperação seja rapida e com sucesso!obrigada pelo conselho!

  30. claudia disse:

    tenho espondilolistese L5 – S1 descobri depois de 10 anos de sofrimento a medica tratava de bico de papagaio que não sei se é a mesma coisa mas muita dor nas costas e nas pernas não consigo fazer caminhada e estou acima do peso tenho 1metro e 42centimetros e peso 90kg sei que tenho que perder mas não consigo já fiz de tudo o medico recomendou a redução de estomago mas não tenho coragem nem de fazer a do estomago e nem da coluna a 4 anos estabilizou paro de escorregar por isso não quero fazer mas queria arrumar algun tipo de exercicio que eu consegui-se fazer já tentei academia e caminhada mas não suportei a dor ai tenho que tomar mais medicamento do que já tomo tabalho sentada e quando levanto doi muito as pernas e a coluna o ciatico nem se fala e agora tenho fote dor nos ombros tem alguma ligação já fiz tres ressonancia e não tenho nervo presso e o que me aliva …..só espero melhora em Deus que tem me ajudado a andar em nome de Jesus……

    • Boa Tarde!

      Seu estado só vai piorar, você precisar emagrecer..URGENTE………………e fazer exercicios proprios para fortalecimento muscular, para então poder escapar da cirurgia na coluna.

  31. Karina Hamada Iamasaqui Züge disse:

    Olá Cássia, adorei sua postagem! Bom, uma dica para vcs que estão com uma criança com espondilolistese. Tem um fisio em Barreiras-Ba que está com um trabalho que pelo jeito conseguiu estacionar a situação em uma criança. No meu caso, estou no início do grau II e vou optar pela cirurgia para estabilizar a coluna para gestação…..Horrvel né….

    • Bom Dia!

      Obrigado Karina, pelas dicas, boa sorte na cirurgia e que esteja pronta logo pra a gravidez……Abraços e muita força!

  32. Bom dia Cassia.
    Estou com espondilolistese na L4 e L5, ha 05 meses. A dor é intensa, irradiando para a perna esquerda e com formigamento do pé esquerdo, sendo que um dedo do pé, ao lado do dedinho, ja está quase anestesiado, só sinto o dedo de vez em quando e a sensação que eu tenho é que este dedo, está sempre por cima do dedinho, mas é apenas a sensação. Fiz 10 sessões de fisio que terminei agora e tive que esperar desde março/12, para iniciar afisio e agora a próxima sessão será só daqui a uns 04 ou 05 meses, pois é pelo SUS. A dor é intensa e nem tomando medicamentos a base de morfina sintética não passa, a barriga da perna também doi muito, assim como o nervo ciático e a coluna lombar. Poderia me orientar em algum ponto. Trabalho e não estou dando conta do recado, pois está cada vez mais difícil fazer as coisas normais do dia a dia.

    • Boa tarde!

      você vai ter que voltar no atendimento, no Posto de Saúde, é pedir para seu médico um lauda para afastamento, ele vai dar um atestado para mais de 15 dias, ai você cai no INSS e passará por pericia. Converse com seu médico para um encaminhamento para cirurgia, já que as medidas paliativas (fisio e medicação) não estão dando conta.

    • Karina Hamada Iamasaqui Züge disse:

      Oi Vera, já passei por isto e tinha muita dificuldade para andar e tudo o mais….Nunca consegui uma sessão de fisio pelo SUS vc acredita? Daí apelei para o particular e fiz sessões de quiropraxia. Posso te dizer que tive alívio imediato. No meu caso, é bem mais complexo porque tenho uma lombar a mais (é L6 com S1) mas mesmo assim a quiro funcionou!

  33. Andressa disse:

    Eu tenho espondilolistese grau 5, e queria saber se com uma cirurgia a deformidade pode ser totalmente corrigida.

    • Boa Tarde!

      “Totalmente” quase impossivel, só a cirurgia não é solução, passa também por correção de postura, fortalecimento muscular, controle de peso………..A recuperação da cirurgia é longa, as vezes dolorida e limitante.

  34. Josi disse:

    Já fui consultar 5 médicos, após ser internada com imensa dor no ciático e ser diagnosticada com espondilolistese grau I, 3 indicaram cirurgia 2 não. Acontece que não tenho dor lombar só nas pernas, que me incomodam muito. Estou fazendo hidroginástica e Pilates, logo começarei tb na natação, espero com isso evitar a cirurgia. Tenho receio, pois os médicos ganham 30 por cento sobre o valor dos pinos que custam por volta de R$100.000,00, é muita grana para eles e muita dor para os pacientes, só mesmo como último recurso.

    • Bom Dia!

      A proporção é essa, se o paciente alguns médicos vão recomendar a cirurgia mesmo, ela é dolorosa, a recuperação é lenta e pode ou não resolver!
      A melhor opção, com orientação e acompanhamento de médico e fisioterapeuta, é o fortalecimento muscular, correção de postura e perda de peso! A qualidade de vida pode melhorar muito!

  35. Apesar da espondilolistese ser mostrada na RM, às vezes fico em dúvida se as dores em minhas pernas são mesmo provenientes da coluna. Doem muito as panturrilhas. Não há inchado, nem vermelhidão, já fiz doppler e foi descartada a possibilidade de má circulação. Tenho algumas veias escuras e ás vezes me dão a impressão que são elas que doem. Custo muito a dormir sentindo as pernas e me revirando na cama. Tomo Gabapentina 300mg e ás vezes Dorflex mas de nada adiantam. Hidro, Pilates, natação, etc parece que aumentam as dores. Será?

    • Bom Dia!

      A melhor forma de aliviar as dores é que você e seu médico encontrem uma atividade fisica que ajudará na circulação e fortalecerá a musculutara, a perda de peso é imprescindível para maior conforto.

  36. luiza disse:

    Tenho 22 anos tenho espondilolise e espondilolistese L5/S1 grau II,opero amanha,to muito tensa.Espero que a cirurgia traga bons resultados.

  37. luiza disse:

    Voltei ^^ Hoje estou com 8 dias de operada.Minha cirurgia durou 5 horas,colocaram 4 parafusos de titânio e descomprimiram o nervo no nível L5/S1. Os primeiros dias são terríveis,fiquei 4 dias de cama,4 com sonda,3 com dreno no local da cirurgia.Operei na segunda só consegui andar na quinta feira de manha,mas sentia muita dor,não me dei bem com morfina ai substituiram com dipirona e tramal mas não faziam o mesmo efeito da morfina então senti mais dor,não conseguia nem me mover na cama de tanta dor.Mas hj com 8 dias to muito bem,cada doa dói menos,cada dia ando melhor,não to dormindo de barriga pra cima só de lado,mas já to andando pra todo lado dentro de casa,me sento e levanto sozinha,a dor que irradiava para as pernas já não sinto mais..é isso,to tomando celebra uma vez por dia.To mto bem e muito feliz.Levei 15 pontos,vou tirar só com 15 dias,próxima segunda e não vejo a hora hehe.Meu grau já era quase 4 mas o médico disse que reduziu um pouco a listese…bom é isso!!

    • luiza disse:

      lá em cima eu coloquei errado meu grau era III mas quando o médico abriui disse que tava quase IV!

    • Karina Hamada Iamasaqui Züge disse:

      Ai Luiza tô adorando seus comentários….eu tô na dúvida, pq uns recomendam e outros não….sempre na dúvida, mas como minhas dores estão aumentando…..tô achando que a cirurgia seria a melhor coisa mesmo. O problema é que tenho uma L6 com S1, isto mesmo L6, então é uma espondilolistese com espondilólise…..Melhoras viu!!!!e continue mandando notícias! Abs…

    • Boa Noite! Luiza, que bom que voltou…..tome cuidado e repouse bastante, o tempo de repouso agora será sua alegria no futuro bem próximo.Continue mandando notícias.

    • karol disse:

      pessoal vou fazer uma cirurgia de coluna, tenho espondilolistese grau III L4, L5 sobre S1 mesma situaçao da Luiza.. vou operar acredito que daqui alguns meses estou na fila de espera, mais estou com medo depois que li que a Luiza tomou morfina e ficou com sonda fiquei com muito medo, estou tentando pesquisar e entender meu problema.. tenho uma pergunta a cirurgia de espondilolistese tem algum risco? risco de dar errado? risco de ficar paraplégia? quero que seja sincera… obrigada

      • boa tarde!

        Toda cirurgia tem seu risco, todos os riscos que você citou são possiveis. Mas faça a sua parte. mantenha um peso adequado e com exercicios direcionados, fortaleça a musculatura.

  38. luiza disse:

    aah eu tb tinha espondilolise..pois estou bem quase sem dores,só dói um pouco na região do ciático (não tenho certeza)terça vou no médico! Uma coisa que notei foi que meu corpo melhorou,eu era meio “torta” tinha mta diferença entre as duas cristas ilíacas e cintura nenhuma,ganhei uma cinturinha e a diferença entre as cristas diminuiu um pouco.Tirei os pontos ontem.Em casa ando pra todo lado,vou ficar 40 dias de molho,ai aos poucos vou voltando,mas esse resto de ano quero ficar quieta em casa. Bom é isso..terça vou ao médico..posto alguma novidade! hehe

    • Boa tarde!

      Que ótimo, continue enviando noticias, a sua experiência ajuda outros com o mesmo problema! Bjs. Semana abençoada pra você!

  39. Karina Hamada Iamasaqui Züge disse:

    ai Luiza fico feliz com suas novidades, faz um bem danado!

  40. Diogo Oliveira disse:

    Estou com espondilose com listese grau 1 combinada com protusao discal tocando as bainhas nervosas sem definitividade. Já tem 6 meses. Antes, sempre senti dores lombares. Dormi 2 anos num sofá mole, burrice… Comecei uma fisio com base no estudo do Mckenzie, mas um osteopata particular me disse que estava tudo errado, pois tem muitos exercícios de flexao da coluna, o que vai contra todo o estudo da patologia. Questinonei a fisioterapeuta…. plano de saúde é difícil. Agora to fazendo a 3a sessao de osteopatia, o cara é fera formado em Bruxelas e Paris, vamos ver…parei de tomar remedios e a dor esta a mesma (pouca na lombar e incomodo na perna direita em pé e caminhando, deitado e sentado dor zero). Farei 8 sessões e depois uma manutenção…cirurgia nem pensar, vou me cuidar ao máximo, natação só crown e costas, por 30 min., 3 x semana. Muito cuidado com RPG, pilates, etc…Abs e que Deus nos abençoe

    • Bom Dia!

      Sucesso nessa etapa, mantenha o foco, manter o peso adequado e fortalecimento muscular são essenciais para melhor qualidade de vida.

  41. Jacqueline disse:

    Alguém já fez cirurgia com o Dr. Luis Pimenta do Ipc de Sp? Pelo que vi a cirurgia é menos drástica. Tb tenho espondilolistese e queria entender a diferença entre a cirurgia comum e esta feita pelo Ipc. Também queria saber, na prática, a diferença dos materiais das próteses nacionais e importadas, já que estas ultimas sao caríssimas . Cássia poderia me ajudar? Obrigada jacqueline

  42. José Carlos dos anjos disse:

    Bom dia!
    Fiz cirurgia de hérnia de disco L5 e S1 há um ano e dois mese e em dezembro já com quatro mese de cirurgia comecei a sentir dor,fiz novos exames onde foi diagnosticado espondilolistese e encaminhado para fazer fisioterapia RPG mas mesmo assim venho sentindo muita dor,não posso ficar muito tempo sentado,em pé ou seja em uma única posição por muito tempo estou fazendo novos exames para avaliação de uma possível artrodese.Cofesso que estou preocupado com este problema ,inclusive o médico que acompanha o problema comentou comigo que há indicação para cirurgia e que vai ser preciso eu assinar um termo de responsabilidade.Entao eu gostaia saber se existe riscos de ficar sem andar e impotente.Por favor me ajudem respondendo este depoimento pois preciso dessa informação para que eu possa seguir enfrente com o tratamento.

    • Boa Tarde!

      Toda a cirurgia é um risco, no meu caso eu optei por não fazer a cirurgia, iniciei um plano de medidas paliativas, como manter o peso adequado a minha altura, segundo o IMC, fortalecimento muscular da lombar e das costas, com musculação e fisio!

  43. José Carlos dos anjos disse:

    Bom dia!
    Cássia,muito obrigado pela sua atenção.Se possível eu gostaria que você me informasse quais são os os exercicio de musculação que você pratica na academia para fortalecer a lombar e me ajudar no tratamento da espondilolistese.

    • Boa Noite!
      É bom que você seja avaliado por um profissional de Educação Fisica, leve seus exames e orientações de seu ortopedista, e juntos cheguem ao um conjunto de exercícios para fortalecimento da lombar e costas, junto com a perda de peso.

  44. Elisabete disse:

    Olá boa tarde, minha filha hj tem quase 13 anos e em março/2009 ela foi diagnosticada com escoliose, pois sentia muitas dores, porém somente em julho de 2012 mudando de médico viram que ela tmb tem espondilolistese grau III,escoliose e lordose tudo junto pra ajudar, indicaram cirurgia, era pra ter feito em dez/2012, mas fiquei com muito medo. Pois um médico desse teria que operar a coluna inteira e o outro disse que somente a espondilolistese fiquei confusa com isso.Existe algum caso de cirurgia em criança desta idade? dizem que as melhoras são boas. alguém por favor me de uma luz, nao sei o que fazer, ela nao sente dores nas costas como sentia antes ai o medo de mexer. Grata !

    • Boa Tarde!

      Consulte mais profissionais, pois é uma cirurgia de risco e que requer muito repouso e cuidado pós cirurgico, converse com sua filha, ela precisa estar bem esclarecida pois um bom pós cirurgico dependerá mais dela do que de você!
      Alguns preferem a cirurgia logo cedo, no caso dela, aos 13, porque acham mais fácil mante-la imóvel no pós cirurgico em casa.

  45. Elisabete disse:

    Bom dia…
    Quando é com a gente tomamos a decisão que achamos que é a melhor, tomar pelos outros é muito complicado apesar de saber que o problema é sério, uma coisa é apesar da gravidade é ver que ela esta se sentindo bem, se mexe faz todos movimentos mas e depois nunca sabemos como ficará. Quanto os profissionais consultamos 3, a opinião é a mesma. Meu medo é será que a coluna não será mais flexível tornando-a limitada aos movimentos? e esperar mais tempo a coluna pode cair do sacro? Agradeço muito pela atenção, obrigada!

    • Bom Dia!

      Eu optei pela não cirurgia, porque não havia sintomas ou dor dor ou restrição de movimentos, somente o diagnóstico pelo Raio X, a opção foi por manter o peso adequado e exercicios de fortalecimento da lombar, para prevenção de algum deslocamento, é dificil opinar, porque pode dar certo ou não.

      • Tatiana disse:

        Bom dia, Cássia!
        Descobrimos que minha filha de 10 anos está com grau III / IV de espondilolistese. Como sei que se filho não fez cirurgia, gostaria de saber o grau dele e a idade, para tomar por base.
        Dois médio que consultamos indicaram cirurgia, mas como ela não apresenta nenhum tipo de dor ou desconforto, gostaria de tentar um fortalecimento muscular impedindo que o caso se agravasse. Caso começassem as dores, já iríamos para a cirurgia. Difícil decisão essa de encarar os riscos de uma cirurgia desse porte sendo que a criança está vivendo tão bem. Desde já agradeço. Tatiana.

      • Boa Tarde!

        Decisão muito difícil e pessoal.
        Hoje meu filho tem 19, quando descobrimos ele tinha 12 de grau 3, como ele era assintomático e não tinha dores e descobrimos por acaso, optei pela não cirurgia, fazemos revisão exames com raioX a cada seis meses, manter=se magro, fortalecimento muscular foram as opção que fizeram chegar até aqui sem cirurgia. No caso dela se vocês optarem pela não cirurgia, nada de mochilas pesadas. Fica a dica.

      • Jacqueline disse:

        Boa noite a todos. Hoje faz 50 dias que realizei a artrodese lombar (espondilolistese) e apesar do grau 2 e de nunca ter tido dores na infância, tive muitas dores após os 25 anos e com 30 anos após uma gravidez gemelar passei a dormir com calmantes devido a dor. Eu tinha muito medo da cirurgia. Fui a mais de 10 médicos e somente decidi quando escolhi aquele que realmente me deixou segura. Se estão em dúvida quanto a cirurgia ouçam mais opiniões. No meu caso, fui no Dr. Luiz Pimenta no IPC (Instituto de Patologia da Coluna) em SP. A equipe dele é ótima e ele possui médicos que também trabalham com ele e atendem vários convênios.

        A cirurgia feita pelo IPC é minimamente invasiva, no site deles há vídeos e explicações, também contou muitos pontos para minha segurança.30 dias, mas já estava bem. Hoje com 50 dias me sinto ótima e tenho que me policiar para não realizar movimentos bruscos.

        A dor que eu sentia (especialmente aquela que irradiava para as pernas) deixou de existir no momento em que saí do centro cirúrgico. As únicas dores que senti foram relacionadas ao corte e pós operatório mesmo, as quais depois dos primeiros 10/15 dias já cessaram.

        Enfim, no meu caso, apesar das dores constantes, o que mais estimulou minha decisão, foi a segurança que o médico me passou. Isso é muito importante da hora de decidir.

        O pós operatório foi tranquilo. Logicamente mais difícil nos primeiros 10 dias, mas desde o 2º dia caminhei e sentei sem movimentos bruscos. Voltei a dirigir dentro da cidade com

      • Boa noite 😉 Jacqueline, muito obrigado pelo seu depoimento e dicas, com certeza nos ajudará muito a tomar decisões mais acertivas.

  46. Elisabete disse:

    Muito obrigada pela atenção.

  47. Dayanne disse:

    ola , tenho 14 anos e praticava ginastica olimpica descobri que tinha espondilolistese grau l,com 12 anos,mas continuei praticando ginastica olimpica,mas no começo deste ano a dor tava insuportavél e fui ao medico de novo ele me aconselhol a parar de praticar ginastica olimpica( e eu ja parei de praticar :/ ),a fazer a cirurgia para parar de escorregar,e para a minha qualidade de vida melhorar,e tambem para ser melhor no futuro quando eu engravidar,entao eu queria opinião se eu devo ou nao fazer ?

    • Boa tarde!

      É uma decisão muito pessoal, você e seus responsáveis tem que sentar e juntos discutirem os prós e contras, o pós cirugico necessita de muito comprometimento e diciplina, o que eu acho que você tem, por causa da ginástica olimpica.

  48. Dayanne disse:

    eu esqueci de mencionar que quando eu fui ao medico no meio deste ano ele disse que o meu grau aumentou agora o meu grau e ll quase pro lll :/

    muito obrigada pela atenção 🙂 .

  49. Dayanne disse:

    obrigada pela dica Cassia filetti, ultimamente eu e meus pais estamos falando muito sobre a posibilidade de fazer a cirurgia, eu acho que se eu for fazer ,eu vou fazer nas ferias de julho para eu ter mas tempo de discanço apos a cirurgia 🙂 .

  50. Waldete Salem disse:

    Soube que tinha espondilolistese em junho de 2010. Fiz novos exames e o médico disse que tenho de fazer a cirurgia. Estou apavorada. Dia 07 vou consultar o médico cirurgião. Ainda não sei se vou aceitar fazer a cirurgia. Gostei muito de tudo que li aqui, foi altamente informativo, soube de detalhes que nunca havia tomado conhecimento antes. Foi muito importante para mim, ler os depoimentos. Obrigada

    • Bom Dia!

      Fique calma Waldete, concentre-se nas explicações de seu médico e fique atenta ao repouso pós cirurgico, boa sorte, estou torcendo por você, quando puder nos de noticias. 🙂

  51. Waldete Salem disse:

    Vou sim dar noticias pois assim como vocês me ajudaram dando esclarecimentos, quero poder também ajudar outras pessoas. Obrigada

  52. leticia stephany nascimento de andrade disse:

    Oi fiz a cirurgia de espondilolistese bilateral grau 5 L5 e S1 a 3 anos, tive uma recuperação excelente apos a cirurgia eu tive algumas dores lombares que passaram com analgésico, oq me fez muito feliz, pois tenho uma vida normal e tranquila com algumas restrições que sempre fazem parte. Gostaria de saber o seguinte, estou gravida de 4 semanas e tenho duvidas em relação a gestação, meu neurocirurgião disse q não tem problema, mas ainda tenho receio se posso levar a gestação ate os nove meses, parto normal ja perdi as esperanças pois tenho dois pinos fixados na bacia q vai direto pra coluna oq impede a dilatação normal da baciado

  53. eu CELY NAZARETH estou na fila lde cirurgia e fui chamada, mas to apavorada,em duvida se faço ou não espondieleste l4 l5 , sinto dores nas pernas e dormência , já faz 7 nos mas agora as dores pioraram, faço rpg , acumputura , fisio mas sem melhora, tenho 56 anos , 1,61m e 75kg, se emagrecer sera que aliviaria meu sofrimento?

    • Boa Tarde!

      Com certeza, o peso é um fator muito forte para as dores. Mas não fique apavorada, faça a cirurgia, faça tudo o que o médico mandar repouse, e perca pelo menos 15 quilos.

  54. ola também tenho espondilolistese grau 1,descobri a quatro anos,fiz por um tempo fisioterapia mais não resolveu nada,naquele tempo sentia dores mais passavam com uso de remédios. hoje em dia nem com remédio passa mais,sinto muita dor nas pernas,no quadril,na coluna toda,me da febre,e uma dor que parece que sobe e doi ate minha cabeça.agora vo refazer os exames para ver se agravou,porque durante esse tempo tenho pegado muito peso,achava que não faria mal,estou pagando por não ter seguido a risca as ordens do medico.queria saber se depois de fazer a cirurgia se acaso precisar se vou ficar quanto tempo sem poder trabalhar e se vou poder engravidar.
    muito obrigado

    • Bom Dia!

      A recuperação é muito pessoal, mas a dica é se optar por cirurgia, perca peso, fortaleça a musculatura do abdomem e lombar, não os sobrecarregue, e faça o repouso que o médico prescrever. A gravidez vai ficar a critério de seu ortopedista.

  55. Antonio Maria da luz Rebelo disse:

    Quanto tempo e preciso de recuperação de uma sirurgia de espondilolistese em l3 l4 l5 para um doente que tem uma profissão de pedreiro?

  56. Fábio Martins disse:

    Bom dia!!

    Tenho espondilolistese grau 1. As dores me incomodam quando fico muito tempo de pé ou caminho cerca de 20 min. Gostaria de saber quais exercícios poderia fazer em casa para fortalecer toda região afetada. Deixo meu email para que possa me instruir como prosseguir.

    • Boa Tarde!

      São de maneira geral exercícios de fortalecimento da lombar e perda do peso . Mas você de procurar um ortopedista para que ele faça as recomendações necessárias, É ele que vai fazer sua rotina de exercícios e fazer o acompasnhamneto da sua lesão.

  57. Boa tarde descobri que tinha espondilolistese com 11 anos meu medico me aconselhou na época a fazer fisioterapias e cuidar do meu peso. Aos 15 anos tive minha primeira filha mas não tive problemas com dores. Hoje estou com 26 anos e nesse meio tempo não tive muitas dores na coluna e não me cuidei…agora estou com sobrepeso e gravida de 3 meses, tenho dores fortes na coluna desde que engravidei, fiz ecografias e com o bebe esta super bem, desconfiamos (familia e médico) que as dores que sinto é da coluna…..vc pode me dizer se com a gravides o quadro da espondilolistese pode se agravar?e se essas dores poderiam ser desse problema?

    • Bom Dia!

      Sim, muito provavelmente. A melhor solução, mesmo na gravidez seria o fortalecimento muscular, com musculação e hidroginástica. Com o acompanhamento do ginecologista e ortopedista.

  58. Patrícia disse:

    Bom dia Dra. Cassia,
    Tinha espondilolistese grau VI, L5-S1, e fui operada aos onze anos. Curioso que nunca tive dores na coluna, o único sintoma era um mau estar no tendão por trás do joelho direito. Depois da operação tudo correu bem, cresceu muito osso em volta da vertebra, estabilizou e nunca tive dores.
    Tenho uma preocupação, agora engravidando será que é seguro ter parto natural. Tenho medo que com o esforço e os ossos do hiliaco mexendo para o bébé sair, possa quebrar o encherto. Não será mais seguro fazer cesariana? Qual é a sua opinião?
    Obrigada.

    • Bom dia!

      Não sou dra. Mas na minha opinião não implicaria em risco de você tiver o corpo fortalecido com musculação. Converse com se ginecologista e o ortopedista e juntos cheguem a um quadro onde a gravidez e o parto normal não sejam um risco para você.

  59. Tenho uma espondilolistese grau iii, discopatia grave, redução de forames, etc. Tudo o que ninguém deseja! Estou fazendo tudo através do Sarah em Brasília. Dia 29/02/2016 vou fazer os pré operatórios e se estiver tudo certo vão marcar a cirurgia de artrodese lombar l5-s1. Depois de 8 anos, faz 9 meses que estava na batalha pela perda de peso. Perdi 20 kg, que ainda não deixei a obesidade, porém foi o que o neurocirurgião pediu para autorizar a cirurgia. Preciso muito poder voltar a fazer exercícios, pois mesmo obesa, praticava muito, hidroginástica, voley e 3 anos de Tae-Kwon-Do. Mas um acidente de moto me fez 2 fraturas nas facetas de L4 e L5, causando a listese. Então, a cirurgia é uma expectativa para ter um pouco de atividade física e poder trabalhar e ter uma vida razoável. Sei que há limitação, porém, não existem mais tratamentos no meu caso. Apenas a cirurgia! Depois que fizer, falarei da minha recuperação, ok? Mas gostaria de falar que mesmo os obesos, tem direito a não sentirem mais dor e fazerem a cirurgia, viu? Pra quem tem peso controlado é até fácil falar, mas os médicos sugerem que vc perca um pouco de peso pra ajudar na cirurgia. Mas pode ser feita sim!! Depende do médico, então procurem o médico que possa se comprometer com sua saúde e queira resolver seu problema! De preferência, que não ache que o peso ideal é aquele que ele vê em revistas e desfiles de moda!! Essa é a minha dica!!

    • Bom dia 😊 Kátia
      Que lindo seu depoimento, desejo que os próximos passos sejam repletos de energia. Obrigado por esclarecer dúvidas através de seu depoimento. Ficaremos no aguardo de novas notícias

  60. Janice disse:

    Eu tinha espondilolistese degenerativa de grau 2. Tinha uma vida normal até janeiro de 2016 e sempre fiz muito exercício. Fazia musculação com.muito peso. Então comeceo a sentir fortes dores. A medicação não fazia efeito. Fiz fisioterapia e pilates. Parei por Causa das dores. Contratei uma ajudante em casa. Parei tudo. Todos os exercícios, caminhadas e fiquei infeliz. Depois de 4 opiniões médicas favoraveis, decidi operar. No meu caso era só um disco degenerado, decorrente de uma lesão que sofri na adolescência, que evoluiu. Operei no dia 09 de maio de 2016. Tive alta no dia 12. Estou em casa em recuperação. Não sinto dor. Foi menos doloroso do que eu imaginava. Operei no Hospital São Matheus em Cuiabá. Coloquei 4 pinos. O médico e excelente. Dr. Marlon Mendonça. Agora só aguardar a recuperação. Orei muito. E pesquisei sobre a cirurgia. Falei com operados. Não tive dúvida. Nem medo. Quero minha vida de volta.

    • Boa noite.
      Que ótimo. Que a sua recuperação seja extremamente abençoada. Mande notícias

    • Iole Vaz Rosa disse:

      Oi Janice! Moro no RJ e estou para fazer a cirurgia mas tenho algumas dúvidas. Gostaria de trocar algumas figurinhas com pessoas que já fizeram o mesmo procedimento. Se não tiver problema, me adiciona no Zap (21) 96996-9711.

  61. Marcus disse:

    Boa noite ,
    Meu nome é Marcus tenho 25 anos , sempre fui uma pessoa agitada , quando criança já sofri várias quedas, quando tinha 12 anos sofri uma queda jogando bola que dei de lombar numa pedra pontuda ( coloquei salonpas , depois de 3 dias não senti dores ), sempre joguei bola , então cresci e comecei a fazer academia , parava e voltava mas sempre foquei na alimentação , infelizmente a 45 dias eu me alonguei de forma errada colocando a perna em cima da máquina de lavar forçando, então 2 dias depois toda vez que sentava por mais de 15 minutos sentia uma dor na nádega que vinha com uma irradiação para perna porém a dor se concentrava na nádega depois passou para lombar até que 3 dias depois tive a sensação que travou a lombar , me desesperei porque sou uma pessoa muito agitada praticamente não durmo , trabalho , trabalho , estudo , academia , era um ciclo de vida agitada , sofri isso aí eu pensei acabou, fiz uma tomografia mostrou espondiolistese em l5 s1, não contente com o resultado , fiz uma ressonância 15 dias depois aí mostrou anterolistese l5 s1 grau 1 em suas porções istimicas sem compressão de nervos, pseudoprotrusão discal l4-l5 sem compressão de nervos, abaulamento discal, essas coisas , eu vi isso eu simplesmente travei, não queria agachar nem nada para não agravar o caso, pois então , fiz sessões de acunputura para aliviar a dor e nada , fui em um ortopedista traumato , ele olhou a ressonância , expliquei pra ele sobre o alongamento que fiz na máquina de lavar elevando a perna direita , ele falou que o meu quadro já não era recente ocasionado pelo alongamento que fiz, ele falou que a coluna já era a mesma de 2 anos atrás , então eu pensei , porque estou sentindo essa dor e energia que desce pela perna direita toda ?!?! , ele fez um teste comigo lá deitado tive que aguentar em uma posição que ficava deitado com as mãos sobre o peito apertando elas e ao mesmo tempo elevando um pouco os 2 pés juntos não deixando encoetw na maca por pelo menos 15 segundos , aguentei 60 segundos , aí eu falei para ele doutor esse teste foi de musculatura , ele disse que o teste que aplicou era para testar a consistência da coluna que depois de 15 segundos seria impossível aguentar mais, pois causaria uma dor insuportável , pois bem ele me passou miosan 10mg para tomar em 10 dias , que não precisava nem de fisioterapia era só retornar às minha rotina normalmente , pois bem estou no 8 dia mas a dor aliviou mesmo porém eu sinto a energia para perna quando fico em pé por mais de 20 a 30 minutos , mas quando eu caminho parece que a irradiação some .

    Minha dúvida compartilhando minha história seria :
    É possível sentir essa irradiação mesmo na ressonância dizendo que não tem compressão de nervos ?
    Eu tenho uma musculatura digamos que rígida por ter sempre praticado atividade e tenho alimentação boa .
    Minha dúvida é : não sinto dor depois de tomar esse miosan, mas queria saber sobre essa irradiação como pode ter se não tem compressão dos nervos ?

    Obrigado !

  62. Olá, estava com dor na lombar à 5 meses, no começo procurei um médico e o mesmo me disse que era apenas uma lombalgia, pois eu treinava musculação pesado na academia e fazia enduro de Moto (Motocross), acreditava que iria passar, porém a dor não passou. No começo de Junho de 2016 fui novamente ao médico e o mesmo pediu uma ressonância aonde foi constatado espondilolistese L5-S1 de grau 1, minima coisa…
    A academia acabei parando no começo da dor, mas o resto estava fazendo tudo igual, jogando bola 2x semana, andando de moto normal… Quando soube do problema parei com tudo pois fiquei muito assustado. Então comecei a fazer sessão de fisioterapia, estou na segunda sessão, mas parece que a dor transferiu de lugar, da lombar passou para o sacro, que doí mesmo quando fico em repouso(sentado ou deitado), antes apenas sentia dor na lombar quando ficava um bom tempo de pé ou fazia uma atividade física pesada.

    Vendo alguns comentários fico muito preocupado se vou ter algum dia minha vida como era… Gostaria que pudesse tirar algumas dúvidas, sei que não é médica mas possui experiência e isso faz toda diferença.
    A dor permanece sempre? Ou são apenas estágios?
    Em algum momento poderei voltar as atividades da academia ou andar de moto?
    Meu problema pode aumentar a ponto de fazer cirurgia?
    Caso eu faça a cirurgia, o problema resolve? Posso voltar a fazer as atividades de uma pessoa normal, ou fica restrito?
    Sei que a cirurgia é complicada e dolorosa, mas o meio de viver é melhor após a cirurgia ou tratando sem ela?

    Aguardo respostas,
    Deixo meu e-mail para troca de experiencias a quem interessar: “Rui.5@hotmail.com”

    • Boa noite. As dores podem ser passageiras, fisioterapia irá te ajudar a melhorar a postura. Você deve voltar a musculação e com orientação do professor e seu ortopedista fazer um treino moderado de fortalecimento da lombar, do abdomen e das costas para estabilizar o corpo. Manter o peso ideal , a moto, devido aos grandes impactos devem ser deixados de lado, no futuro pode voltar com uso de coletes estabilizador, converse com um ortopedista esportivo. Sim, dá para ter uma vida normal sem cirurgia ou mesmo depois dela, depende de você. Boa sorte.

  63. Ana Maria disse:

    Olá, Cássia, tudo bem? Tenho 28 anos e já faz uns meses que estou com muitas dores lombares e cervicais. Procurei ajuda médica (já fui três médicos), fiz raio x e ressonância magnética. Resultado: espondilólise a direita em L5, sem desvio do corpo discal, mais dois abaulamentos discais lombares e uma protrusão cervical, sendo duas lombares e uma cervical. Sempre fui uma pessoa ativa, fazia exercícios 6 vezes por semana (de segunda a sábado), fazia/faço (não sei ainda se faço ou fazia) Kung Fu e academia, nunca estive acima do peso.. mas tive que parar totalmente os exercícios, estou a semanas depressiva, com dores, já notei redução de massa magra, e mesmo depois de 20 sessões de fisioterapia, analgésicos, anti-inflamatórios, e relaxantes musculares, ainda sinto que a dor só aumenta a cada dia. Não consigo nem sentar para ver um filme em casa que até sentar doí, e dormir é uma tortura, não existe posição confortável. Existe alguma possibilidade de a espondilólise regredir e voltar como era antes? Como no laudo diz que não tem desvio do corpo vertebral, acha que pode haver reversão do quadro e eu voltar a praticar Kung Fu? Acha que em quanto tempo a dor vai passar e poderei voltar a praticar? Desde já agradeço a atenção.

    • Boa tarde.
      Após a fisio e os anti-inflamatórios a dor vai passar. Talvez a luta não seja mais possível. Mas ox exercícios sim. É bom retornar com cuidado. Comece o primeiro mês com hidroginastica diária. Depois acrescente pilates e ou yoga 2 vezes por semana. E depois de uns dois meses volte a musculação. Comece leve com carga apenas para manutenção muscular e vai aumentando aos poucos, claro que com acompanhamento do ortopedista.

      • Ana Maria disse:

        Boa tarde! Pensei no Yoga, mas tem muitas posturas de hiperextensão e hiperflexão que a fisioterapeuta disse que não são boas para mim, na verdade, quase nada ela disse que eu posso fazer, o que me frusta bastante (muito mesmo). O Pilates é muito caro, mas assim que puder, eu farei, ou a hidroginástica tb. Sobre a musculação, tenho medo de voltar e piorar, pois o médico disse que minha musculatura das costas não esta preparada para pegar peso, e pode ser isso que desencadeou meus problemas. Na minha radiografia aparece que, da parte lombar para cima, a minha coluna é mais reta que o normal, segundo ele, típico de quem tem espondilólise. Contudo, muito obrigada!!!! Fico feliz de saber que um dia vou parar de sentir essa dor insuportável. E parabéns pelo blog, pode me esclarecer bastante coisa, pois não conhecia direito sobre o assunto, e é bom saber que tem pessoas que hoje estão bem, sem dores, e conseguem continuar suas vidas.

  64. MAria da Glória Oliveira Duarte disse:

    Muito interessantes seus comentários! Eu fiz cirurgia com artrodese lombar em decorrência de espondilolistese grau II L4 L5 S1. Minha maior dúvida diz respeito ao procedimentos pos- operatórios, pois o neurocirurgião me disse para andar, sentar e caminhar, mas não em que proporção. Estou muito bem, mas não quero tomar aitudes que venham interferir nos bons resultados da cirurgia.o que devo e o que não devo fazer?

  65. Ana Julia Bueno disse:

    minha mãe tem 81 anos e espondilolistese grau 1…tem muitas dores e nenhum medicamento está fazendo efeito…os medicos dizem que a cirurgia na idade dela é arriscada..como podemos ajuda-la?

    • Bom dia…. Deixa-la mais confortável possível, remédios para dor, perda de peso, fisioterapia de reeducação postural e hidroginástica.

    • Cris Azevedo disse:

      Bom dia, coloca ela para fazer pilates. Eu tenho o mesmo problema, em grau 3, vivo uma vida normal. As dores são menos frequentes, porém não desaparecem. Porém voce consegue estabilizar a doença e ganha mais mobilidade fazendo exercícios

  66. Olá, fiz a cirurgia de espondilolistese há 6 anos, e por ser mulher gostaria de saber se haverá riscos na gravidez.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: